sexta-feira, 10 de abril de 2009

Diferença entre orações causais e explicativas

Quando vamos estudar as Orações Subordinadas Adverbiais (OSA) e Coordenadas Sindéticas (CS), geralmente nos deparamos com a dúvida de como distinguir uma oração causal de uma explicativa. Veja os exemplos:

1º) Na frase "Não atravesse a rua, porque você pode ser atropelado":
a) Temos uma OS Explicativa, que indica uma justificativa ou uma explicação do fato expresso na oração anterior.
b) As orações são coordenadas e, por isso, independentes uma da outra. Neste caso, há uma pausa entre as orações que vem marcadas por vírgula.
Não atravesse a rua. Você pode ser atropelado.
b) Outra dica é, quando a oração que antecede a OC vier com verbo no modo imperativo, ela será explicativa.
Façam silêncio, que estou falando. (façam= verbo imperativo)



2º) Na frase "Precisavam enterrar os mortos em outra cidade porque não havia cemitério no local.":

a) Temos uma OSA Causal, já que a oração subordinada (parte destacada) mostra a causa da ação expressa pelo verbo da oração principal. Outra forma de reconhecê-la é colocá-la no início do período, introduzida pela conjunção como - o que não ocorre com a CS Explicativa.
Como não havia cemitério no local, precisavam enterrar os mortos em outra cidade.

b) As orações são subordinadas e, por isso, totalmente dependentes uma da outra.

Encontrei aqui um site onde há um esclarecimento mais aprofundado sobre o tema. Vale a pena conferir.
Com um pouco de treino e atenção, você consegue.
Bons estudos.

15 comentários:

  1. Parabens, muito interessante. Preciso aprender mais sobre orações causais e explicativas.

    ResponderExcluir
  2. Olá Haviany estou pousando neste maravilhoso espaço, que beleza de trabalho, parabéns. Cada vez melhor! Parabenizo pela publicação do tema "Diferença entre orações causais e explicativas", excelente contribuição. Quero convidar você para uma homenagem, com todo brilho e requinte, passa lá em; http://www.valdemireis.blogspot.com ou em; http://www.valdemircantinhopaz.blogspot.com, vamos brindar juntos, temos postado um texto especial desenvolvido para você, quero na oportunidade entregar seu merecido “ PRÊMIO” , você conquistou, sim leve o seu e seja generoso distribuindo com seus os amigos. Vamos estender a festa... Hoje a festa é sua, venha já! Estou esperando você. Por isso considero a vida uma oportunidade impar. Cada pessoa que passa em nossa vida não passa sozinha, por ser única, deixa um pedaço de si e leva um pedaço de nós. Encontrar-nos-emos sempre por aqui. Muito Obrigadoooooooo... Por sua simpatia e amizade!!! Também quero desejar uma feliz e abençoada semana para toda família. Muitas bênçãos e brilho, sucesso, prosperidade, proteção e paz. Fique com Deus.
    Volte sempre!
    Valdemir Reis

    ResponderExcluir
  3. parabéns pelo trabalho, ótima explicação

    ResponderExcluir
  4. Finalmente uma explicação mais clara! Obrigadoooooo tirou-me um peso.

    ResponderExcluir
  5. obrigado pela explicação, pois é tão fácil agora que prestei mais atenção...

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Vou à cidade porque tenho uma consulta médica. (é CSExplicativa ou SACausal ?)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ter uma consulta é o motivo pelo qual você irá à cidade. Esse motivo ocasionou uma consequência: ir à cidade. Se não houvesse a consulta, você não iria à cidade, portanto não teria uma causa para fazê-lo. Logo, trata-se de uma subordinada adverbial causal.

      Excluir
    2. Ter uma consulta é o motivo pelo qual você irá à cidade. Esse motivo ocasionou uma consequência: ir à cidade. Se não houvesse a consulta, você não iria à cidade, portanto não teria uma causa para fazê-lo. Logo, trata-se de uma subordinada adverbial causal.

      Excluir
  8. Olha o que vc escreveu:
    "Temos uma OS Explicativa, que indica..."

    Uma oração subordinada explicativa?
    Da onde vc tirou isso?
    Isso não existe
    É uma OC, ou seja uma Oração Coordenada explicativa...

    Mais atenção ae meu colega...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. provavelmente esse S é de sindética, só pode ser...

      Excluir
    2. Ele só esqueceu o C, de coordenada. Esse S é de sindética, que indica a presença de uma conjunção. Assindética indica a falta dela.

      Excluir